Rachel Crescenti

BOIADA SEM NOME PASSA FÁCIL

Para que serve um nome? Para nomear. É o óbvio. Mas, aparentemente, vivemos tempos em que, para muitos, isso ainda não está tão claro ou não convém. Sendo assim, não espere que medíocres e mal-intencionados deem nome aos bois.  Uma pena, porque nomes aos bois são fofos. Necessários. Nomes aos bois são garantidos e até …

Continue Reading
Rachel Crescenti

DE PEITO ABERTO E PUNHO CERRADO

Já dizia Dorival Caymmi, “quem não gosta de samba, bom sujeito não é. É ruim da cabeça ou doente do pé”. Mal sabia ele que a ode Samba da Minha Terra tanto sentido faria 80 anos depois. Pior. Que os maus sujeitos se intitulariam cidadãos de bens e ainda deixariam sem chão os pés e …

Continue Reading
Rachel Crescenti

INTOLERÁVEIS FOLHAS SECAS

É um tempo mesmo muito engraçado esse… Tempo em que as coisas toleráveis se confundem com aquelas que não se pode tolerar e tudo perde a referência. Como o intolerável Outono. Melhor mesmo seria se esta estação não existisse. O problema? As folhas secas. Porque não há nada que deva ser mais evitado que folhas …

Continue Reading
Rachel Crescenti

ÓDIO NOSSO DE CADA DIA, O QUE NOS DÁ HOJE?

Quanto de ódio, raiva, desprezo, ira, discriminação, intolerância e repulsa há na sociedade brasileira? Aparentemente há muito de tudo isso entre todos nós e há muito tempo. Ou alguém realmente acha que quando um senhor de escravos empunhava uma chibata estava, ele próprio, apenas sendo vítima do pensamento retrógrado de uma época? Não! Havia tanta …

Continue Reading
Rachel Crescenti

DE SOFOMANÍACOS E GREGOS, TODOS NÓS TEMOS UM POUCO

A era da sofomania chegou. Palavrinha engraçadinha e de sonoridade suave que encerra em seu significado doses elevadas de soberba, vaidade e autoengano. Uma mistura bem indigesta que parece ter encontrado o ambiente perfeito para fermentar as redes sociais. Comportamento muito presente hoje, a sofomania consiste em tentar se passar por inteligente, mesmo sabendo que …

Continue Reading
Rachel Crescenti

A INVEJA É UMA M…

Não é fácil nascer do lado de baixo da linha do Equador. Tampouco é simples ser latino. É como ter as veias sempre abertas, pulsando freneticamente ao ar livre. Na metade das vezes em absoluto descompasso e na outra metade desproporcionalmente. Somos hiperventilados. Turbilhões passionais, barulhentos. Gente de falas altas e sentimentos maximizados. É bem verdade que o frenesi …

Continue Reading
Rachel Crescenti

ERA A ÚLTIMA E MORREU

Já preconiza o dito popular: a esperança é a última que morre. No entanto, o que o provérbio não afirma, mas que é fácil de constatar durante uma conversa de cafezinho no trabalho ou no almoço familiar de domingo, é que, apesar de ser o derradeiro defunto do sentimento humano, ela, a esperança, não é …

Continue Reading
Rachel Crescenti

A GRATUIDADE DA COISA

Atualmente, todos nós temos acompanhado minimamente o Horário Eleitoral Gratuito no rádio e na TV, no qual os candidatos de vários partidos apostam todas as suas fichas para melhorar seus índices de intenção de voto, divulgar pesquisas encomendadas por eles mesmos e tentar capitalizar, sufrágio a sufrágio, em cima do erro dos concorrentes. O Horário …

Continue Reading